decen{BR}

Hidromineração: gere sua própria energia elétrica para minerar criptomoedas

Hidromineração é um termo genérico que descreve a prática de utilizar potencial hidráulico para minerar criptomoedas. É geralmente aceito como um conceito de energia verde – pois trata-se de uma fonte de geração limpa e segura para o meio ambiente. A hidromineração tem sido procurada especialmente devido ao alto custo ambiental da mineração Bitcoin, onde é utilizado o dispendioso sistema Proof of Work (PoW).

Sabe-se, da forma de funcionamento do sistema PoW, que a mineração de criptomoedas requer grande consumo de energia elétrica. Alguns defensores do meio ambiete têm criticado o processo de mineração por esse motivo. Em tempos onde se discute a preservação do meio ambiente e eficiência no uso de recursos energéticos, buscar formas de energia verde encontra-se no topo das prioridades para empresas e governos.

A Busca por Energia Verde

Reuso energético, uso eficiente de recursos energéticos e fontes de energia verde são tópicos muito discutidos no mundo atual.

A mineração de criptomoedas deve se adaptar a essa nova realidade para enfrentar as críticas cada vez mais sonoras, assim evitando sofrer sanções estatais ou regulação por agências reguladoras, especialmente no que diz respeito ao meio ambiente.

Hidromineração

A hidromineração se encaixa perfeitamente nesse cenário.

Ao aproveitar quedas de água e correntes naturais como fonte de energia para geração elétrica, a hidromineração se apresenta como método de mineração que usa fonte de energia renovável extremamente limpa. Além disso, o resíduo gerado pela mineração, que pode ser a própria agua quente, também pode ser aproveitado.

Projetos passados alavancaram o potencial da hidromineração. O projeto Hydrominer, por exemplo, tentou buscar soluções nessa área. A idéia da startup era de firmar parcerias com estações hidrelétricas para instalar equipamentos de mineração de criptomoedas (ex. containers mineradores) no local, aproveitando energia extra gerada em períodos de baixa demanda.

Infelizmente, a Hydrominer, que obteve U$ 2,9 milhões em investimentos iniciais via ICO, abandonou o projeto ao fim de 2018.

Sua Própria Usina Geradora

Entusiastas de criptomoedas não precisam esperar por soluções de startups e grandes empresas. É absolutamente possível construir sua própria infraestrutura geradora de energia hoje mesmo.

Se você possui uma fonte qualquer de correnteza, é bem possível que um projeto gerador de energia esteja muito mais ao seu alcance do que imagina. Basta apenas verificar com os órgãos ambientais sobre os procedimentos a serem adotados para preservar o meio ambiente e construir o projeto em conformidade com as normas ambientais da região.

Por exemplo, esta pequena turbina consegue gerar entre 15 e 100 kw de energia:

Essa arquitetura inovadora não danifica o meio ambiente, e preserva até mesmo a vida eventuais peixes que caem no sistema gerador. O funcionamento se dá por concentração do fluxo de água em uma espécie de serpentina. Ao passar pelo trajeto, a água ganha a pressão necessária para movimentar a turbina instalada na saída, gerando kilowatts de energia 100% limpa.

Esse desenho de gerador hidrico foi desenvolvido pela Turbulent Hydro, uma empresa belga especializada em pequenos geradores para fluxos de água limitados.

Caso interesse pesquisar, há várias outras idéias inovadoras no Youtube. Por exemplo, o seguinte projeto que aproveita um pequeno filete de água para geração de energia.

Como podemos ver, gerar energia para máquinas mineradoras de criptomoedas não exige grandes massas de água. Pequenos filetes podem ser o suficiente para alimentar a infraestrutura de mineração.

Custos Ambientais

É importante pesar cuidadosamente os custos ambientais envolvidos em projetos de hidromineração.

Antes de mais nada, verifique junto às autoridades locais como deve proceder para iniciar um projeto de hidromineração. O licenciamento ambiental é dispensado em alguns casos, porém é prudente verificar junto ao Ibama ou Secretaria do Meio Ambiente de sua região para ter certeza.

Em qualquer projeto do tipo, deve ser pensada a preservação do trajeto usado na piracema, não interrompendo o trajeto que os peixes fazem para desovar. Geradores que, por ventura, façam uso de toda a largura de um filete de água podem não ser autorizados.

Feito tudo corretamente, a hidromineração pode garantir uma renda fixa oriunda de energia absolutamente limpa.

Estabilidade na Mineração

A mineração de criptomoedas depende muito mais da estabilidade de sua infraestrutura que da velocidade instantânea das suas máquinas mineradoras. De nada adianta possuir a última geração de máquinas mineradoras, 30% mais velozes que a concorrência, se o sistema ficar 30% do tempo fora do ar.

Para garantir a estabilidade e a lucratividade de um sistema de hidromineração, serão necessárias algumas medidas além do que é necessário quando se utiliza energia elétrica pública.

O gerador hidrelétrico não pode ser a única fonte de energia de seu equipamento de mineração. Deve haver uma fonte de alimentação reserva, como no-break ou comutador, que chaveia para a rede de alimentação no caso de interrupção da geração.

Um inversor do tipo on-grid também pode ser empregado, tendo por um lado a alimentação oriunda do gerador hidrelétrico, e do outro o carregamento usando a rede.

Conexão Estável com a Internet

Outro fator que pode afetar a lucratividade da hidromineração é a qualidade da conectividade com a Internet. Em toda operação de mineração, a conexão com a Internet deve ser ininterrupta.

Isso é requisito básico, pois o minerador somente pode trabalhar os blocos se tiver acesso ao último bloco aceito pela rede. Essa sincronia é especialmente crítica em criptomoedas que possuem curto espaço de tempo entre blocos, como Ethereum e Cardano.

Mineradores que possuem má conexão com a Internet não serão lucrativos, mesmo que o hardware minerador seja de última geração.

O ideal é possuir uma conexão dedicada apenas para a infraestrutura de hidromineração.

Como os hidromineradores tendem a ser localizados em áreas remotas, onde se encontra o corpo de água que será utilizado para a geração, a conectividade estável com a Internet pode se tornar um desafio para a engenharia do sistema. Conexões via rádio são especialmente suscetíveis a condições atmosféricas, por exemplo.

Hidrostaking?

Conforme já mencionamos, nada impede que a energia hidrelétrica gerada seja empregada para a manutenção de computadores tradicionais no lugar de máquinas mineradoras.

Nesse caso, seria possível realizar o hidrostaking! Ou seja, staking de moedas Proof of Work utilizando energia hidrelétrica gerada em sua propriedade.

Conclusão

Esperamos que este breve passeio pelo conceito de hidromineração tenha aumentado seu interesse pelo assunto!

Hidromineração é uma abordagem ambientalmente responsável à mineração de criptoativos, e pode ser empregada com criptomoedas Proof of Stake onde pouca energia é requerida.

O desenvolvimento de criptomoedas se encontra nos primórdios, e tem tudo para decolar nos próximos anos. Idéias inovadoras como a hidromineração certamente ganharão mais e mais espaço nesse contexto.

Links

IBAMA: Licença de instalação (LI)

Licenciamento Ambiental de Empreendimentos Hidrelétricos no Brasil

Em que consiste a hidromineração de criptomoedas?

English version: ELI5 Hydro Mining: generate your own electrical power for crypto mining!

Sobre @ Autor(@)
Publicado por decen{BR} - decen{BR} é nosso avatar coletivo, @ qual usamos na editoria do site. Normalmente, os conteúdos publicados pel@ decen{BR} são traduções de nosso site parceiro crypto.bi - (ou contribuições indiretas de um de seus autores). Confira nossa página Sobre (menu lateral) para conhecer a nossa equipe! Saiba Mais o Decen{BR}
Somos 100% livres de anúncios e rastreadores. Apoie este projeto doando para X-avax1qw9mfew4pgs03kxn9l3400suy0za983g293686. Obrigado! ❤
Autor(a)
Publicado
20 de maio de 2018
Atualizado
30 de novembro de 2020
Não rastreamos nossos usuários. Este site não emprega Javascript ou anúncios.